Adutora Vila Ianni é concluída pela CIS e resolve problema histórico de Itu - CIS
17783
post-template-default,single,single-post,postid-17783,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-theme-ver-11.1,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.4.2,vc_responsive
 

Adutora Vila Ianni é concluída pela CIS e resolve problema histórico de Itu

Autarquia pública construiu 2,7 quilômetros de tubulações que levam água para Vila Ianni e mais sete bairros, beneficiando mais de 20 mil pessoas.

A CIS – Companhia Ituana de Saneamento inaugura no dia 03 de julho de 2020 a Adutora Vila Ianni, que resolve problemas crônicos e históricos de abastecimento de água em oito bairros de Itu: Vila Ianni, Vila Mariah, Chácaras Primavera, Vila Progresso, Portal de Itu, Vila Bandeirantes, Jardim Padre Bento, Vila Padre Bento. São 2,7 quilômetros de tubulações a partir do complexo de reservatórios Vila Rica que garantem água na torneira para mais de 20 mil pessoas. No total, foram investidos aproximadamente R$ 2,8 milhões. A cerimônia de inauguração desta grande obra será transmitida às 14h no Facebook da autarquia.

A Adutora Vila Ianni atende a uma antiga reivindicação da população de Itu. “Estamos sem água há mais de 30 anos – foi assim que fui abordado por uma moradora da Vila Ianni na primeira edição do Prefeito no Bairro feita na região. Acabado o encontro, já sabia que aqueles munícipes não poderiam esperar mais para ter água nas torneiras todos os dias”, conta o prefeito de Itu, Guilherme Gazzola. “Com a competência dos profissionais da CIS, pudemos resolver a questão. Hoje, tenho orgulho de dizer para os moradores da região que resolvemos a distribuição de água local”.

Vincent Menu, superintendente da CIS, explica que o trabalho ainda não acabou. O projeto feito especialmente para aqueles oito bairros ainda contemplam a construção de um novo reservatório de água tratada com capacidade para dois milhões de litros e a instalação de uma bomba na rede com vazão de 150 litros de água por segundo. “Somente a adutora resolve o problema de distribuição e abastecimento de água da Vila Ianni e bairros da região. Nos próximos anos, iniciaremos as próximas etapas do projeto que foram planejadas já pensando no crescimento demográfico futuro da região”, finaliza.