Companhia Ituana de Saneamento anuncia construção da Linha 02 do Sistema Mombaça - CIS
19560
post-template-default,single,single-post,postid-19560,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-theme-ver-11.1,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.9.0,vc_responsive
 

Companhia Ituana de Saneamento anuncia construção da Linha 02 do Sistema Mombaça

Captação de água bruta será ampliada com a construção de uma nova adutora de 22 quilômetros. Este manancial fornecerá até 600 litros de água por segundo para abastecimento da população em qualquer época do ano.

Primeira captação permanente de água da cidade de Itu, inaugurada pela CIS – Companhia Ituana de Saneamento em 2018, o Sistema Mombaça fornecerá mais água para a população. O manancial teve outorga ampliada e passará a oferecer 600 litros de água por segundo para tratamento. A outorga anterior era de 250 litros de água por segundo. Para aproveitar desta capacidade, a autarquia municipal também construirá a Linha 02 do Sistema Mombaça, ou seja, uma nova adutora de 22 quilômetros será implantada da captação até a Estação de Tratamento de Água do Rancho Grande.

De acordo com o superintendente da CIS, Reginaldo Santos, enquanto os recursos para a obra são fomentados, o projeto de ampliação do Sistema Mombaça será finalizado. “Após estas etapas, iniciaremos os trabalhos. A projeção é que a obra fique pronta em dois anos”, explica. “O principal aporte de abastecimento da população ituana hoje é o Sistema Mombaça. A captação não seca durante períodos de estiagem e agora será capaz de fornecer água suficiente para operarmos a ETA do Rancho Grande com vazão máxima”, destaca Santos.  

Preparação antecipada – A CIS iniciou em outubro de 2021 os trabalhos de ampliação e otimização do Sistema Mombaça. O local já recebeu bombas e painéis elétricos mais potentes e modernos. Com os novos equipamentos, e outras melhorias hidráulicas, já é possível extrair mais água com menor tempo deste importante manancial. “Antecipamos esta preparação para poder começar com mais tranquilidade a construção da Linha 02 do Sistema Mombaça. Com esta obra, o respaldo para abastecimento de Itu durante períodos de estiagem mais severos está garantido”, finaliza o superintendente da CIS.

Nova Represa Braiaiá – De forma concomitante, outra obra importante está em andamento: a construção da Nova Represa Braiaiá. Após fatalidade da natureza, que culminou no rompimento de barragem no manancial, iniciou-se o trabalho de construção de uma nova barragem – com 1,5 metros a mais que o antigo barramento. E também, o desassoreamento da represa – que terá mais 2,5 metros de profundidade. Com isso, capacidade de reservação de água bruta será triplicada e deve atingir mais de 40 milhões de litros. A previsão de término desta obra é 120 dias.